Siga Tathi

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube

MENINA DOS MEUS OLHOS

Menina dos Meus Olhos é um peça original escrita por Tathi Piancastelli. A peça conta a história de Bela, uma adolescente em busca do amor e da aceitação social. Com elenco de 11 atores, produção de Nettles Artists Collective, direção de Debora Balardini e Sandie Luna, Tathi explora temas amor e vida em comunidade através de uso de movimento, texto e video.

Neste contexto Tathi vem ao palco para exercitar sua liberdade. Como protagonista  nos convida a percorrer a fluência do seu livre pensar, propondo um não julgamento ou uma pre concepcão do outro ou de si mesma.

 

Seu texto nos presenteia com a possibilidade de usarmos nossos sentidos ao invés de fazer sentido racionalmente. Tathi Piancastelli é a artista presente, adulta, madura e preparada para enfrentar seus próprios demônios e deuses em cena usando seu trabalho como veículo. Cada parte de sua performance é a busca pela  pura presença.

Apple of my Eye

Menina dos Meus Olhos

Menina dos Meus Olhos”, peça escrita e protagonizada por Tathi e produzida por Nettles Artists Collective, ganhou o prêmio de melhor Teatro/Espetáculo no Brazilian International  Press Awards USA 2016.

 

As premiações têm como objetivo divulgar e valorizar o trabalho de artistas, personalidades, entidades e iniciativas que representam e promovem o Brasil nas mais diversas regiões dos Estados Unidos. 

 

 

 

 

 

 

Atores: Tathiana Piancastelli, Ibsen Santos,  Caca Macedo, Fabio Costaprado, Jaime Puerta, Andressa Furletti, Sandie Luna, Sandro Isaac, Braulio Cruz e Carolina Ravaza.

Co- produzido pela companhia Nettles Artists Collective.     Dirigida por Debora Balardini e Sandie Luna. Apoio Institucional MetaSocial

Galeria de fotos e vídeo

Apresentado em dezembro  de 2013, no Teatro Circulo em Nova York,   a peça foi seguida por um Q & A “Quebrando Barreiras – Um olhar sobre a peça Menina Dos Meus Olhos”

Em junho de 2015 ensaio aberto no Punto Space, Nova York  e participante de destaque  em Miami no 30º Festival Internaciobal de Teatro Hispano em Miami.

Em março de 2016, a peça  foi convidada para se apresentar na UNICEF para ilustrar um debate sobre violência contra mulheres e crianças com deficiência.